SEJA BEM VINDO!

Este é o Blog Oficial da IEADC Igreja Assembléia de Deus em Cidelândia/MA e foi desenvolvido com o objetivo de
deixar você bem informado sobre o que acontece em nossa Igreja local, Regional, Nacional e internacional e ainda sobre
outros temas interessantes. Ajude-nos a mante-lo atualizado. Faça sua crítica e sua sugestão enviando EMAIL para
iead.cid@hotmail.com.br

A Redação.



sábado, 3 de novembro de 2012

Quatro cristãos encarcerados no Irã Pastor e mais três ministros foram presos por conversão ao Cristianismo



Quatro cristãos encarcerados no IrãUm pastor iraniano da Assembleia de Deus e três ministros foram condenados a um ano de prisão por pregar o cristianismo.

De acordo com a agência de notícias iraniana cristã Mohabat News, o julgamento foi realizado em 15 de outubro no Tribunal Revolucionário em Ahwaz. O juiz foi Seyyed Mohammad Bagher Mousavi.

Os quatro cristãos, que haviam sido presos em 23 de dezembro do ano passado, são o pastor da igreja Assembleia de Deus de Ahwaz, Sabokrouh Farhad, e sua esposa Shahnaz Jeizan, juntamente com dois ministros de outras igrejas, Naser Zamen Dezfuli e Davoud Alijani.

Mohabat News, cujo site é proibido dentro do Irã, informou que no Tribunal Revolucionário disseram que suas acusações foram por "conversão ao Cristianismo e por tentar convencer os muçulmanos a fazerem o mesmo, assim como propagar contra o regime islâmico através da promoção do Evangelho".

Mohabat News disse que esta era uma sentença inicial, e há uma oportunidade de recorrer. O veredito final será dado pelo Tribunal.

Segundo informações recebidas pelo serviço de notícias, o pastor estava proibido de realizar qualquer tipo de serviço na igreja ou visitas a cristãos enquanto estivesse em liberdade sob fiança. Além disso, as autoridades lhe disseram para deixar sua cidade natal de Ahwaz. O pastor e sua família foram exilados para Teerã.

Mohabat News disse que a igreja foi invadida como membros da igreja se reuniram para o culto. Todo mundo lá foi detido e transportado por dois ônibus para um local desconhecido.

Ele afirmou que as autoridades de segurança cobriram seus rostos durante o ataque e aterrorizavam as crianças durante a Escola Dominical.

Os quatro detidos foram transferidos para um centro de detenção para interrogatório. Eles foram libertados sob fiança de cerca de 165 mil dólares entre 1 de Janeiro e 21 de fevereiro deste ano.

Mohabat Notícias afirmou que a igreja Assembleia de Deus está sob o olhar atento das autoridades iranianas, que estão cientes de todas as atividades que ocorrem na igreja.

Algumas fontes não identificadas disseram que "a razão por trás deste ataque que interrompeu a celebração do Natal pode ser porque as autoridades da Igreja ignorou o alerta do Ministério de Inteligência para a igreja."

A agência disse que há alguma discordância se é o Ministério da Inteligência ou a Guarda Revolucionária, que supervisiona questões relacionadas com as igrejas e cristãos iranianos.


Fonte: Christian Today

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário