SEJA BEM VINDO!

Este é o Blog Oficial da IEADC Igreja Assembléia de Deus em Cidelândia/MA e foi desenvolvido com o objetivo de
deixar você bem informado sobre o que acontece em nossa Igreja local, Regional, Nacional e internacional e ainda sobre
outros temas interessantes. Ajude-nos a mante-lo atualizado. Faça sua crítica e sua sugestão enviando EMAIL para
iead.cid@hotmail.com.br

A Redação.



quinta-feira, 14 de junho de 2012

Polícia do Laos prende pastor por difundir a fé cristã Prisão de Asa, identificado apenas por este nome, ocorreu em sua casa na aldeia


Um pastor de 53 anos continua atrás das grades, após ser preso pela polícia do Laos, na última quarta-feira (6), sob a acusação de forçar a  conversão das pessoas ao cristianismo, disse um porta-voz da ONG de Assistência aos Direitos Humanos e Liberdade Religiosa no Laos - Human Rights Watch for Lao Religious Freedom (HRWLRF). 


Polícia do Laos prende pastor por difundir a fé cristã
A prisão de Asa, identificado apenas por este nome, ocorreu por volta das quatro horas, em sua casa na aldeia Peeyeur , na província Luang Namtha, de acordo com HRWLRF. A polícia então conduziu Asa para a prisão provincial Namtha Luang, cerca de 50 Km de sua aldeia, longe o bastante para impedir visitas de familiares ou amigos, devido ao limitado acesso ao transporte rodoviário.

Se o procedimento legal fosse seguido, disse a HRWLRF, a polícia teria mantido Asa na prisão por três dias, enquanto investigava as acusações contra ele.
Na quinta-feira (7), Khamla, um proeminente líder cristão na província, reuniu-se com a polícia e descobriu que Asa havia sido acusado de converter pessoas a Cristo.

Há, dois anos atrás, a polícia havia forçado Asa  a assinar documentos, concordando que ele pararia de  proclamar a Cristo e, de induzir as pessoas a aceitá-lo. Este ano, porém, muitas pessoas da aldeia Peeyeur, e os moradores vizinhos, tocados pela vida e testemunho de Asa, aceitaram a Cristo.

Os líderes da Igreja dizem que as autoridades locais têm a intenção de eliminar o cristianismo de Luang Namtha, num esforço para proteger a região como patrimônio mundial. Eles usam a prisão de seis cristãos tailandeses, pegos pregando na província, em 24 de março, como exemplo; os seis foram liberados no início de junho, após várias semanas de detenção.

As autoridades de Luang Prabang, uma província vizinha, convocaram dois líderes cristãos e cerca de 80 cristãos da aldeia Hueysell,  em janeiro, e ordenou-lhes que abandonassem sua fé ou seriam expulsos de suas casas. Até o momento as autoridades não colocaram as ameaças em prática.

A Constituição do Laos e outros regulamentos, como um decreto de 2002 sobre prática religiosa (conhecido como Decreto 92), teoricamente, protegem a liberdade de crença e de culto para todas as religiões, mas funcionários de aldeias, distritos e províncias, muitas vezes desrespeitam essas leis e mesmo assim ficam impunes. 


Fonte: Portas Abertas

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário